É, pois é

É, pois é, nem o galo cantou
E três vezes você me traiu
Iludiu e fugiu e ainda levou
O sonho que guardei
De amor levou

Ora, vem agora pedindo pra voltar
Chegou fora de hora pra chorar
Me falou do passado, que penou um bocado
Encontrou a maior lição no suor de uma solidão
Ora, aqui mora quem já lhe esqueceu
A verdade é que agora sou mais eu
E o que mais hoje eu ligo é viver bem comigo
E por isso eu lhe digo não
Vai curtindo na solidão
É, pois é